Confirmação

dons-do-espirito-santo

Os profetas anunciaram que o Espírito do Senhor repousaria sobre o Messias (cf. Is 11,2). No Novo Testamento, toda a vida de Jesus se realiza em comunhão total com o mesmo Espírito (Jo 3,34), em vista de sua missão salvífica (Lc 4, 16-22; Is 61,1). A manifestação do Espírito Santo no Batismo de Jesus foi sinal de sua messianidade e filiação divina (Mt 3, 13-17; Jo 1, 33-34).

O Senhor prometeu, várias vezes, enviar aos seus a efusão do Espírito Santo (Lc 12, 12; Jo 3, 5-8; 7, 37-39; 16, 7-15; At 1,8). Ele cumpriu esta promessa na ressurreição (Jo 20, 22) e, de
modo admirável, no dia de Pentecostes (At 2, 1-4). Os que acolheram a palavra e foram batizados receberam o dom do Espírito Santo (At 2,38).

“Desde então, os apóstolos, para cumprir a vontade de Cristo, comunicaram aos neófitos, pela imposição das mãos, o dom do Espírito Santo, que leva a graça do Batismo à sua consumação (At 8, 15-17; 19,5-6). (…) A imposição das mãos é com razão reconhecida pela tradição católica como a origem do Sacramento da Confirmação que perpetua, de certo modo, na Igreja, a graça de Pentecostes” (Paulo VI, Constituição Apostólica Divinae Consortium Naturae).

À imposição das mãos, a Igreja uniu a unção com o óleo do Crisma. Esta unção completa a iniciação cristã, solidifica a graça batismal e é sinal de uma participação mais intensa na missão de Jesus e na plenitude do Espírito Santo. Pela confirmação, o Espírito Santo, presente no coração do batizado, é assumido como força para a missão de ser luz que faz resplandecer o próprio Cristo.

A Confirmação imprime na alma o caráter, marca espiritual indelével que aperfeiçoa o sacerdócio comum dos fiéis, recebido no Batismo, e confere a missão de testemunhar publicamente a fé. “Pelo Sacramento da Confirmação, os batizados são vinculados mais perfeitamente à Igreja, enriquecidos de especial força do Espírito Santo, e assim mais estritamente obrigados à fé que, como verdadeiras testemunhas de Cristo, devem difundir e defender tanto por palavras como por obras” (LG 11; cf. cân. 879; AA 3). Assim como o Espírito Santo, derramado em Pentecostes, consolidou a vocação missionária da Igreja, a força do mesmo Espírito, conferida na confirmação, impele o cristão a se tornar missionário, em vista da edificação da Igreja “(cf. 1Cor 14,12).

Pela Confirmação, sacramento da maturidade cristã, o batizado assume, de forma consciente, sua fé e reafirma o compromisso de se tornar, pelo próprio esforço e pela graça de Deus, uma “nova criatura” (Gl 6,15; 2 Cor 5,17).

“A confirmação está de tal modo ligada à sagrada Eucaristia que os fiéis, já marcados com o sinal do Batismo e da Confirmação, são inseridos plenamente no corpo de Cristo pela participação na Eucaristia” (DCN 9). O crismando é declarado plenamente iniciado e adulto na fé, pronto para a missão e o apostolado, na Igreja e no mundo.

Os fiéis têm obrigação de receber a Confirmação (cf. cân. 890); sem este sacramento e a Eucaristia, o Batismo é, sem dúvida, válido e eficaz, mas a iniciação cristã permanece inacabada.

“O sacramento da Confirmação, que imprime caráter, e pelo qual os batizados, continuando o caminho da iniciação cristã, são enriquecidos com o dom do Espírito Santo e vinculados mais perfeitamente à Igreja, fortalece-os e mais estritamente os obriga a serem testemunhas de Cristo pela palavra e ação e a difundirem e defenderem a fé” (CDC, 879).

”Pelo sacramento da Confirmação os fiéis são vinculados mais perfeitamente à Igreja, enriquecidos de força especial do Espírito Santo, e assim mais estritamente obrigados à fé que, como verdadeiras testemunhas de Cristo, devem difundir e defender tanto por palavras como por obras” (CIC, 1285).

Catequistas Unidos – um novo Pentecostes

Hoje é um dia muito especial para nós cristãos, pois celebramos a vinda do Espírito Santo sobre Maria e os Apóstolos:

No dia de Pentecostes, o Espírito da promessa foi derramado sobre os discípulos, “reunidos no mesmo lugar” (At 2,1), esperando-o, “todos unânimes, perseverando na oração” (At 1,14). O Espírito, que ensina a Igreja e lhe recorda tudo o que Jesus disse, vai também formá-la para a vida de oração. (CIC §2623)

E o Espírito Santo escolheu justamente este dia para reacender a chama evangelizadora dos Catequistas Unidos, grupo que participo desde 2011, com outros catequistas blogueiros, que estavam um pouco afastados, mas se reencontraram e formaram um grupo no Whatsapp para compartilhar experiências, formação, espiritualidade e acima de tudo o amor de Cristo!

Por enquanto os que estão participando são esses:

Roberto Garcia – Blog do Catequista Roberto

Jonathan Cruz – Catequese com Crianças

Layse Bispo – Catequese Kids

Cláudia de Jesus Pinheiro – Catequese na Net

Wania Dias – Catequista Wania

Érica Magro – Catequizando com Amor

Patrícia Bonot – Catequizando com Jesus

Kesia Lima – Jardim da Boa Nova

Angela Rassele Corteletti – Nos Passos de Jesus

Sheila Jorge – Semeando Paz

Imaculada Cintra – Sou Catequista de IVC

Ana Paula Brito Generoso – Tia Paula

Silvanety Gonçalves Martins David – Vinde Todos Evangelizar

Jesus, sopra teu Espírito Santo sobre nós e envia-nos para sermos testemunhas de seu amor!

pentecostes

OREMOS:

Espírito de Deus, tornai-nos disponíveis à Vossa visita,

fazei crescer em nós a fé na Palavra que salva.

Sede a fonte viva da esperança que germina nas nossas vidas.

Sede em nós o sopro de amor que nos transforma

e o fogo de caridade que nos impele a darmo-nos a nós mesmos,

através do serviço aos nossos irmãos.

Vós, que o Pai nos enviou,

ensinai-nos todas as coisas e fazei com que compreendamos a riqueza da Palavra de Cristo.

Afirmai em nós o homem interior, fazei com que passemos do temor à confiança, a fim de que brote em nós o louvor da Vossa glória.

Sede a luz que vem colmar o coração dos homens e dar-lhe a coragem de Vos buscar incansavelmente.

Vós, Espírito de verdade, introduzi-nos na Verdade completa,

a fim de proclamarmos com determinação o mistério de Deus vivo

que age na nossa história.

AMÉM

 

 

Meditação sobre Pentecostes

Domingo de Pentecostes – Evangelho Comentado

A descida do Espírito Santo sobre Nossa Senhora e os discípulos

Cinqüenta dias depois da Páscoa, cumpre-se a promessa de Jesus:

“Quando chegou o dia de Pentecostes, os discípulos estavam todos reunidos no mesmo lugar. De repente, veio do céu um barulho como se fosse uma forte ventania, que encheu a casa onde eles se encontravam. Então apareceram línguas como de fogo que se repartiram e pousaram sobre cada um deles. Todos ficaram cheios do Espírito Santo e começaram a falar em outras línguas, conforme o Espírito os inspirava” (At 2,1-4).

Este acontecimento maravilhoso e extraordinário inunda a vida dos discípulos de Jesus com uma luz jamais experimentada. A vinda do Espírito Santo provocou em todos os presentes uma compreensão mais profunda das maravilhas de Deus.

O Espírito Santo é a alma da Igreja. A ela Ele foi dado como garantia de seu caminho, de modo que o mal nunca prevaleça contra a Igreja, e os discípulos, unidos aos seus pastores, conheçam com segurança os caminhos do Senhor e tenham força para colocá-los em prática. O Espírito Santo é Deus com o Pai e o Filho. Ele é o amor que existe entre o Pai e o Filho. Ele procede do Pai e do Filho.

ORAÇÃO:

Ó Senhor, nosso Deus Altíssimo, o Pentecostes mostra a primeira comunidade de cristãos reunida com a Mãe de Jesus e fortalecida pela poderosa efusão do Espírito Santo, pronta para a missão evangelizadora.
Pela intercessão da Virgem Maria, a Mãe de Deus e Mãe do meu Salvador, renovai nos dias atuais o vigor de Pentecostes: Vinde ó Espírito Santo! Tocai nossos corações, inundai nossas almas e fortalecei-nos com Vossa presença; iluminai nossas mentes para que possamos vivenciar nas nossas relações cotidianas o que escutamos e pedimos em oração; libertai-nos de toda fraqueza, das enfermidades físicas e espirituais (vícios, concupiscência, mágoa, depressão); lavai-nos com a água da cura e do amor, convertei-nos e restaurai nossas almas.
Nós vos suplicamos ó Pai Santo, por Jesus Cristo, vosso Filho amado, que é Deus convosco na unidade do Espírito Santo. Amém!

(Fonte)